2008-05-22

Multideficiência e Aprendizagem Activa

Cada um de nós é um indivíduo único. Todos temos o nosso próprio estilo de aprendizagem, as nossas próprias motivações e o nosso repertório da capacidades e de necessidades. A maior parte de nós tem uma grande quantidade de talentos inatos para a aprendizagem, permitindo-nos usar os sentidos como um quadro base para nos desenvolvermos, mesmo antes de nascermos. Por outro lado, cada um tende a perceber e a interpretar o mundo à sua volta, a partir de uma variedade de pontos de vista externos, os quais nos permitem sentirmo-nos confortáveis ou desconfortáveis, ter algum controlo sobre o que se passa connosco e com os outros, amar e ser amado... (Greeley e Anthony, 1995:59).
.
Nunes, C. (2001). Aprendizagem Activa na Criança com Multideficiência: guia para educadores. Lisboa: ME/Departamento da Educação Básica.

Um comentário:

João Maria Andarilho Utópico. disse...

Olá, professor João. Passe em meu blog e retire seu prêmio.